quinta-feira, 21 de agosto de 2008

Ontem

Ontem, fui almoçar com uma amiga.
Havíamos combinado que comeríamos algo bem rápido e depois iríamos ao cinema.
Toca o celular e minha amiga, que tal almoçarmos naquele restaurante de que tanto gostamos para podermos colocar a conversa em dia e depois se der vamos ao cinema?Já sabíamos que não ia rolar cineminha nenhum . Nunca conseguimos colocar a conversa em dia. Vamos falando... falando... falando e quando vemos a tarde se foi em bate-papo e deliciosa comida. Como estou querendo emagrecer me recuso a comer qualquer coisa!!! De entrada pedi ceviche com pimenta biquinho (um sonho), depois comi um black filet que era feito com tinta de lula e etc e era acompanhado de purê de batata com óleo de pequi (minha amiga, que não gosta de carne, mas que tem bom gosto, pediu para mim) . De sobremesa ovos moles com sorvete de canela. Isso tudo regado a água mineral e vinho rosé bem geladinho. Também depois não comi mais nada. E também não senti culpa nenhuma. Beijo da paçoca. Vou Nadar rsrsrsrsr

2 comentários:

Jôka P. disse...

Que delícia de cardápio !
O que são ovos moles ?
Algum quitute portugues ?

tertulías disse...

Nao consegui deixar uma mensagem lé no posting sobre machado de assis... deixarei aqui. eu também amo machado de assis e sua forma psicológica porém simples, "pra cima", descomplicada de ver as coisas... coisa de brasileiro... sabedoria de brasleiro.. pense só no que zweig teria feito com dom casmurro e dona capituliana... voce viu o filme "Capitú"??? Um mal entendido sobre a obra machadiana... além de que a atrin era muito velha para o papel e muito "bahiana"... a crítica acabou com ela na época (chamava-se Isabela) e disse, porque nao Leila Diniz como Capitú? (uma carioquinha brejeira... ) nao sei se Leila teria dado conta do recado... na minha cabeca sempre vi uma jovem (estamos falando de 1967) Marieta Severo como Capitú... esta sim teria sido um perfeito casting, com aquela carinha de carioca (enjoadinha) que tem/ tinha... mas nao fale isto para ninguém... he he... a Isabela foi a companheira de um primo meu e eu nao posso "criticar"... he he... beijos e volte sempre por "tertúlias", ok? um prezer muito grande ler teus comentários...
Ricardo